A seguir

Flaviano bitcoins Airdrops
4 Visualizações

,STUND UP ENFERMAGEM, SEMANA DA ENFERMAGEM 2018, HUMOR.

16 Visualizações
elvispoeta
1
Publicado em 23 May 2019 / Em Comédia

A ENFERMAGEM NOSSA DE CADA PLANTÃO: O INICIO

Então você escolhe uma profissão, começa o curso teórico, mas não vê a hora de fazer o estágio.

E então chega o tão sonhado estágio, e no primeiro dia você vai eufórico querendo aprender tudo o que pode, chega lá querendo fazer uma intramuscular, querendo passar uma sonda vesical ou nasogastrica, querendo pegar um acesso fazer uma medicação, mas aí a professora separa os grupos leva para o andar e fala: hoje vamos aprender: banho no leito.

Nessa hora a euforia abaixa, vem um balde de água fria literalmente.

Você fica triste, mas pensa amanhã é o segundo dia de estágio quem sabe pode ser diferente, e a professora fala: hoje vamos ficar na UTI, você já pensa oba, hoje vou aprender tudo que eu puder sobre UTI, você já fica eufórico de novo, mas aí vem o banho de água fria, a professora fala: pessoal temos 3 pacientes para dar banho no leito.

Mas depois vem o último dia de estagio e é administração: você já pensa bom hoje vamos mexer só com prontuário, a professora fala: hoje vamos aprender sobre prescrição medica, evolução, relatórios, mas antes disso, vamos ajudar o andar a dar banho em dois pacientes.

No meu estagio eu dei tanto banho no leito, mas tanto banho no leito, mas tanto banho no leito que quando me formei eu não sabia se ia trabalhar em um hospital ou lava-rápido
Mas aí você se forma, faz um currículo e de repente um hospital te chama, um dia antes de trabalhar no hospital fiz o que todo auxiliar deveria fazer: fui em uma loja, comprar roupa branca? Não! Fui comprar um balde uma bucha e detergente líquido, pensei agora sim estou pronto.
Por que se eu tinha certeza de algo, era que eu sabia dar banho no leito.
Você tem regras para banho no leito tem literatura e se a faculdade aceitar você ainda tem um TCC de banho no leito.

Mas ai fui apresentado ao meu setor centro cirúrgico, e me bateu uma dúvida? Eu dou banho no paciente antes ou depois da cirurgia?
Foi então que me apresentaram o meu equipamento de trabalho, uma maca de transporte, e me disseram você vai buscar e levar pacientes para o andar, nessa hora me senti um advogado que estudou por 5 anos e depois acabou virando Uber.

Mas não foi só banho que dei no estágio, no penúltimo dia apliquei minha primeira intramuscular e aprece até piada, mas naquele só tinha agulha 40x12 e minha professora disse tem que aplicar se você não quiser chamo outra pessoa, então peguei a receita e preparei a medicação de transformar corintiano em são paulino, à famosa benzetacil, fui na bancada preparei a medicação, mas o que eu não sabia era que o paciente era marombeiro, chamei ele para a sala de medicação e o rapaz foi levantando a manga da camiseta, meu senhor não é ai, essa medicação só pode ser feito no glúteos tinha algo que não falei era que ele tinha uma tatuagem do Corinthians no outro braço, e ai preparei tudo fiz a assepsia, do quadrante superior externo do glúteo, fixei a musculatura e na hora de aplicar a agulha 40x12 parecia um bisturi 11 rasgando a pele, depois de ter aplicado o rapaz desmaiou e a tatuagem do Corinthians ficou rosa, nessa hora eu olhei para minha professora e perguntei: não tem banho no leito para fazer?

Se tem algo que chateia a enfermagem é aquele paciente que já vem jogando praga: você precisa pegar um acesso, então prepara o soro, separa os jelcos e quando chega no quarto dele já observa uma veia enorme no braço esquerdo, então prepara o garrote e quando você garroteia ele olha no fundo dos seus olhos chega até sua alma e fala: todo mundo só consegue pegar minha veia nesse outro braço, mas você está vendo aquela veia que cabe um jelco 18, então você com toda confiança e capacidade de pegar veia vai nela, e perde umas duas vezes com o jelco 22, então você pega vai no outro braço e pega um acesso de primeira com jelco 20, ele olha de novo no fundo dos seus olhos amaldiçoando a sua alma e diz: você é novo na enfermagem? Nessa hora da vontade de pegar um balde e falar: eu só vim te dar um banho no senhor, pois foi só o que eu aprendi no estágio.

Outra coisa que eu não consigo entender é essa atração, essa atração da nossa bic com o médico, essa atração da bic com medico é uma atração que ninguém consegue explicar, não existe lei da física não existe ciência, não existe nada que explique isso, um exemplo:

Você chega no plantão pega o prontuário do paciente separa os documentos que você vai utilizar, ponha na sua mesinha separa a sua bic e começa a escrever, mas ai você lembra que faltou outro documento, e quando vai buscar e volta tem um médico sentado ali na mesa fazendo a prescrição do paciente descrição e evolução do dia, e depois vai em bora , mas ele vai em bora de boa, não ele sai e deixa o prontuário todo bagunçado, você então arruma tudo e separa o que vai usar e na hora de escrever cadê? Cadê a sua bic? Ele vai em bora e leva a sua bic seu único material de trabalho, se fosse uma Montblanc, mas não é só uma bic, ele tem dinheiro para comprar 50 bic, mas a nossa parece sempre a melhor.

O que é engraçado é que no meu estagio minha professora sempre dizia: a caneta é a sua arma, a caneta é a sua arma, mas o que ela nunca nos avisou é que sempre teria um agente secreto querendo nos desarmar.

E para finalizar, quem nunca, quem nunca, preparou tudo fez todas as anotações, e disse hoje eu vou passar um plantão de primeira, hoje eu vou passar um plantão de qualidade, mas você se esquece de uma coisa pequeno índio, você se esquece que o seu paciente que desceu as 10:30 para o centro cirúrgico, volta sempre faltando 15 minutos, 15 minutos antes da passagem de plantão, então você tem que ir lá receber o paciente verificar tudo que ele tem para depois passar aquele plantão correndo, nessa hora dá vontade de ir na sala da gestora e falar: por favor me arruma um balde e uma buchinha que eu só aprendi banho no leito.

Sempre que você for ver o paciente pela primeira vez e ele já foi admitido sempre leia o prontuário para saber o que ele tem, certo dia no estágio minha amiga ia levar o paciente para tomar banho de aspersão, e então ela pegou um chinelo em baixo da cama do paciente e começou procurar outro, olhou em baixo da cama de cada paciente do quarto, mas não encontrou nada, e foi então que ela disse para o paciente, acho que levaram seu chinelo, e o paciente disse eu sou amputado, nessa hora nos saímos do quarto e começamos rir sem parar, fica ai esse exemplo sempre leia o prontuário para conhecer seu paciente nos estágios.

Bom, gente isso é tudo espero que tenham gostado.

AUTOR: ELVIS DA SILVA SALGUEIRO/ ELVIS POETA DE RUA

Mostre mais
1 Comentários sort Ordenar por

MOBILE
MOBILE 6 Meses Atrás

MOBILE de olha na tecnologia.
Já consideramos você um parceiro do canal MOBILE e contamos com sua colaboração inscreva-se compartilhem estes conhecimentos com amigos e familiares

   0    0
Mostre mais

A seguir

Flaviano bitcoins Airdrops
4 Visualizações